Em processo de Reboot

Ir em baixo

Em processo de Reboot Empty Em processo de Reboot

Mensagem  Em busca de libertação em Seg Jul 13, 2015 6:41 pm

Boa noite a todos,

Bem, graças a Deus estou sem PMO a 38 dias! A luta é dura e não é fácil! Tenho 28 anos e consumo pornografia desde os 12! No final dos anos 90 e no começo da virada do milênio, a pornografia era mais de revistas e VHS. Daí veio os DVD's e, mais recentemente, a internet em alta velocidade. Na medida que a tecnologia foi avançando e o acesso a todo o tipo de pornografia foi ficando mais fácil, eu afundava cada vez mais. De mulheres nuas em revistas comecei a ver cenas cada vez mais hards. Também tive problemas com ejaculação retardada e diminuição de sensibilidade a certas imagens e cenas...Quando comecei a pornografia da internet, eu comecei a sentir que estava cada vez mais necessitado de estímulos mais fortes para conseguir ejacular. Aí, comecei a notar que havia algo errado. Além de que as mulheres ficavam cada vez mais menos interessantes e eu não conseguia me aproximar delas... Só as enxergava como objeto de fantasias sexuais... É algo aterrador. Contudo, eu me sinto melhor agora sem PMO. Ainda sinto um pouco de ansiedade e muitas imagens vem na minha mente... Sempre as cenas mais pesadas que costumava ver na internet. Contudo, me sinto melhor e com mais vontade de ser mais sociável e as mulheres parecem mais interessantes agora. Enfim, esse é um testemunho de homem que consumiu pornografia por mais de década e luta contra o vício! Agradeço ao pessoal do fórum por disponibilizar o espaço.

Em busca de libertação

Mensagens : 1
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/07/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em processo de Reboot Empty Re: Em processo de Reboot

Mensagem  flavio em Dom Jul 19, 2015 2:55 am

Parabéns amigo pelos dias e seja benvindo também. Já começou com pé direito - mais de 30 dias de abstinência! Acredito que o fundamental aqui no fórum, comum a todos os participantes, é a descoberta e a conscientização do perigo da pornografia em nossas vidas. A pornografia tão culturalmente aceita e influenciada desde a nossa tenra idade - quantas vezes não se estava com parentes e ao passar àquele mulherão não se dava àquela espiada, ou mesmo as famosas revistas playboy das atrizes famosas? Todos curiosos em ver a famosa nua? Esta já era entrevistada do Jó Onze Meia. Isso tudo aceito e "normal".
Tenho filhos, e procuro desviá-los dessa cultura pornográfica, para não me acompanharem nessas falhas culturais. Aqui no fórum percebemos quanto é importante esse pontapé inicial de libertação para refletimos sobre nossos hábitos e começar a desenvolver nossos próprios hábitos, sem PMO.
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum