Viciados Anônimos
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Relato Fernando

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  new em Seg Jul 28, 2014 4:34 pm

Alex, também penso como você. Postar aqui tem me ajudado imensamente, ler os relatos, os posts, sobretudo as mensagens de quem já conseguiu. É como eu digo: se compartilhamos o problema, podemos compartilhar a solução. Quero bastante ajudar no pouco que sei. É justamente essa vontade de ajudar que me motiva ir adiante, porque sei que com o contador no 0, minha moral para ajudar pode soar suspeita.
new
new

Mensagens : 201
Reputação : 22
Data de inscrição : 07/07/2014
Idade : 32
Localização : são Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Qua Jul 30, 2014 12:49 am

Depois de uma recaída com pornografia, fiquem 5 dias sem PMO. Hoje, embora eu não tenha visto pornografia, acabei me masturbando com orgasmo. A sensação é de muita frustração e sinceramente começo a me preocupar. Estou com medo meu caros. Me sinto bastante angustiado esses dias.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Leandro-sp em Qua Jul 30, 2014 8:50 am

Fernando_RJ escreveu: A sensação é de muita frustração e sinceramente começo a me preocupar. Estou com medo meu caros. Me sinto bastante angustiado esses dias.

Fernando, vc está utilizando MO pra se anestesiar de alguma questão mal resolvida na sua vida. Pelo o que vc escreveu eu vejo que você precisa de ajuda psicológica, sozinho vc pode não conseguir.
Não deixe as consequências da MO acabar com sua vida. Afinal, ainda vai ter que viver dentro deste corpo por alguns anos, então vale a pena fazer algo pra melhorar esse período.
vc tem medo de quê?
Vá atrás de resolver isso logo.
Leandro-sp
Leandro-sp

Mensagens : 238
Reputação : 22
Data de inscrição : 11/07/2014
Idade : 30

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Qua Jul 30, 2014 9:51 am

Oi Leandro. A frustração é por ter me utilizado da MO novamente, uma vez que estava querendo era me abster disso também. Chega um momento que não consigo mais ter controle e sinto que, para não pegar na pornografia, é melhor que eu me masturbe logo sem vê-la. O medo é de cair num desespero maior, pois eu uso o porno há muitos anos e já sei o mal que isso me faz. Eu tenho transtorno bipolar e como tal, já tive fortes pensamentos suicidas no passado e, ultimamente, o que tem feito voltar com essa ideia foi justamente essa minha inclinação constante para a pornografia.

Faço terapia. Ele é da linha existencialista. E, de primeira, não foi com a cara desse programa do e-book e que é discutido aqui nesse forum. Agora ele está me respeitando mais porque viu que estou convicto que quero largar a pornografia, mas no fundo ele não ve a pornografia como algo que pode trazer, necessariamente malefícios. O fato é que para mim traz.

Eu fiz faculdade de artes cênicas. Depois acabei estudando para concursos em outros áreas. Passei e trabalho como servidor público hoje. Ainda continuo estudando para outros cargos para ver se ganho uma grana melhor. Pretendo um dia voltar a trabalhar com arte mais tarde. Mas talvez minha frustração resida em eu já não estar trabalhando com arte agora. Essa é minha grande dúvida. Mas isso, de fato, eu discuto com meu terapeuta.

Eu não sei se vou continuar a me sentir mal por ter pego na MO ou se vou lidar com isso numa boa. Espero que consiga a última opção. No momento, me sinto um merda.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Guilherme em Qua Jul 30, 2014 3:49 pm

Fernando, não precisa dessa frustração toda. Recaiu, não fique se martirizando, pois as consequências disso podem ser cada vez piores, e ninguém aqui quer isso. Você fez MO, bom, pelo menos não foi com P.

Então, cara, eu concordo com a linha de pensamento do Leandro-SP, que diz que o PMO é só a ponta do iceberg de muitos problemas. Por trás dele se esconde muitos medos, muitas vontades de se esconder do mundo, ou de fugir dele. Mas eu acredito que se tirarmos PMO, não teremos mais desculpas para enfrentarmos nossos reais problemas.

Então, a melhor coisa a se fazer (na minha opinião) é largar PMO, o que te fará mais capaz de enfrentar seus problemas de frente e, claro, ter forças e querer resolver esses problemas que nos faz afugentar para PMO.
Guilherme
Guilherme

Mensagens : 127
Reputação : 26
Data de inscrição : 07/04/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Qua Jul 30, 2014 9:26 pm

É justo o que diz sobre enfrentar nossos reais problemas, guilherme. E realmente, apesar de saber que não é bom, vesti a carapulsa da culpa. Realmente esse processo todo acaba abrangendo muitas coisas da vida. O foda é a angústia, meu caro. Hoje mesmo vi um cara na academia e me veio a imagem de uma transa, mas muito forte, quase que como um filme na minha cabeça. dae veio até uma dor no peito, como se eu estivesse frustrado por não estar fazendo sexo com ele. Loucura mesmo. E vejo, que passei quase toda a vida assim, fantasiando. Essa abstinência da PMO realmente é uma grande luta.

Não tem problema eu continuar escrevendo aqui meu dia a dia, né? Eu me sinto mais forte quando escrevo e quando tenho alguma resposta/sugestão. E todo mundo aqui tem sido realmente bons. Abs.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Guilherme em Qua Jul 30, 2014 10:25 pm

Fernando_RJ escreveu:Não tem problema eu continuar escrevendo aqui meu dia a dia, né? Eu me sinto mais forte quando escrevo e quando tenho alguma resposta/sugestão. E todo mundo aqui tem sido realmente bons. Abs.
Pode ficar tranquilo, o fórum é pra isso mesmo. É até melhor quando tem alguém que escreve todos os dias pra fazer o fórum ficar um pouco mais ativo, já que muitos usuários "sumiram" ou estão postando muito pouco.

E o quanto eu puder, tentarei responder aos seus questionamentos. Abraços.
Guilherme
Guilherme

Mensagens : 127
Reputação : 26
Data de inscrição : 07/04/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Qui Jul 31, 2014 9:36 pm

Obrigado pela força, Guilherme.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  flavio em Qui Jul 31, 2014 9:51 pm

Fernando,
Entrei ontem, li até a página 116 o livro, e realmente é difícil superar. Hoje, faz 12 dias que estou sem sexo virtual, cara é difícil, tenho 42 anos, mas procura desenvolver alguma atividade, mudar o foco. Ajuda também...
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Alex-RJ em Sex Ago 01, 2014 12:56 pm

Fernando_RJ escreveu:
Não tem problema eu continuar escrevendo aqui meu dia a dia, né? Eu me sinto mais forte quando escrevo e quando tenho alguma resposta/sugestão. E todo mundo aqui tem sido realmente bons. Abs.

Muito pelo contrario. Postar aqui é uma forma de se ajudar e ajudar os outros que aqui acessam.
O que você sentiu na academia, foi o seu cérebro tentando voltar aos padrões antigos. De excitação visual, fantasias e descarga de dopamina.

O Fato de você se sentir mal, revela a luta que vc está travando com ele. Não tenha raiva dessa situação, apenas entenda que seu cérebro estava acostumado com uma coisa e agora, com todo esse conhecimento, você está querendo dar um novo rumo a sua vida. Procure "conversar" com seu cérebro, coisas do tipo: olha, sei que vc quer isso, mas vamos pensar noutra coisa, ok?

Sei que pode parecer ingênuo ou infantil, mas vi uma terapeuta sexual falando exatamente isso. Para não ter raiva dessa força que te impulsiona ao vicio, apenas barganhar e conversar com seu cérebro, mostrando o outro lado que você julga correto.
Tipo aquela criança mimada que quer porque quer uma coisa.... e vc, com sua conversa, consegue convencer.

Tenho feito isso e tem me ajudado.

abs!
Alex-RJ
Alex-RJ

Mensagens : 150
Reputação : 35
Data de inscrição : 06/03/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  new em Sex Ago 01, 2014 1:13 pm

ALEX, é isso mesmo. Às vezes me pego pensando em algumas coisas que antigamente teriam feito eu recair, ou até mesmo sonhando com fetiches, sabe?, daí ao invés de xingar o meu cérebro, ficar com raiva ou frustração, eu paro e penso no seguinte: o meu cérebro que é a vítima. Eu condicionei ele a uma coisa e agora, depois de dez anos de uso contínuo dessa coisa, eu simplesmente tirei dele. Sei que parece loucura, afinal meu cérebro sou eu, e eu sou meu cérebro, rs. É uma luta contra mim mesmo...

Você tem o link dessa sexóloga falando sobre o vício?
new
new

Mensagens : 201
Reputação : 22
Data de inscrição : 07/07/2014
Idade : 32
Localização : são Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Sex Ago 01, 2014 11:39 pm

Pessoal, estou há 9 dias sem pornografia depois de minha última recaída. Mas eu não consigo ficar sem me masturbar. Hoje mesmo, fiquei de frente para a tela e pensei.. "ai, talvez eu recaia novamente". Mas a lembrança de todo o meu sofrimento e luta para me livrar do porno, me fez ter forças para não acessar os sites. Mas acabei por me masturbar sem porno. Não sei se acreditam, mas me libertei de toda a fantasia que me vinha na mente e me concentrei apenas nos movimentos. Bom... queria saber a opinião de vocês. A masturbação isolada pode ser um fator que facilita mesmo o retorno à pornografia? Eu não sou uma pessoa fácil de seguir regras, mas eu as compreendo e estou tentando. Me masturbei porque, quando chego ao orgasmo, minha vontade de ver pornografia cessa. Enfim... é isso. Abs.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Guilherme em Sex Ago 01, 2014 11:56 pm

Guilherme escreveu:
Com a questão de "Ficar apenas sem P ou ficar sem PMO", eu recomendaria você ficar sem PMO de uma vez. É como os outros dizem - "Dê um descanso para o seu corpo nesses dias!". E não é só por isso: quando você se masturba, tem o efeito caçador que te faz ter mais vontade de ficar em contato com a masturbação. E como a gente "enjoa" de ficar fazendo a mesma coisa mais de uma vez, seu corpo vai precisar de algo mais forte, e esse algo mais forte, claramente, seria masturbar-se vendo pornografia (ao contrário de masturbar-se sem pornografia), então é muito difícil.

Veja este trecho do e-book sobre isso.

Como eu posso me masturbar sem pornografia?

Muitos usuários relataram experimentos nesse sentido. Em resumo, o que eles perceberam é que se masturbar sem pornografia pode ter dois efeitos: o primeiro é que eles simplesmente não conseguem fazer isso, ou seja, o que move a masturbação são as fantasias e quando se suprime a pornografia ou mesmo as fantasias mentais parece impossível ou mesmo difícil se masturbar e chegar ao orgasmo, sendo que isso com o tempo passa a não ser mais uma necessidade. O segundo fenômeno é que se masturbar ativa o chamado "efeito caçador", ou seja, devido ao prazer proporcionado pela ejaculação você via ter vontade de se masturbar mais em seguido ou nos dias seguintes á masturbação (mesmo que sem pornografia), fato que te deixará mais próximo de uma recaída, justamente pelo fato de que é muito difícil se masturbar sem fantasias. A maioria dos usuários que relataram terem se curado do vício em pornografia, também relataram terem parado com a masturbação. Portanto, livre-se das fantasias e você se livrará do em masturbação. Porém, isso pode ser difícil, sobretudo no começo e, sobretudo para quem está viciado há muito tempo. A sugestão que algumas pessoas deram foi começar erradicando o vício em pornografia e, com o tempo, também erradicar a masturbação, fazendo apenas sexo normal e sem fantasias. Se você tiver que optar por masturbar-se com fantasias ou pornografia ou masturbar-se sem nada, escolha a última opção. As fantasias, aliadas á masturbação, orgasmo e a pornografia te levarão de volta ao vicio de pornô muito rapidamente.

E, para finalizar, eu queria falar que, toda vez que você pratica o ato de se masturbar sem pornografia, você lembra o seu cérebro sobre a pornografia, porque tudo é o mesmo (tirando a parte de vê-la, claro): o ambiente é particular; não tem ninguém perto (como no sexo); as fantasias correm na sua mente; você utiliza o tempo que você usava quando na pornografia; utiliza da mesma fricção (as mãos), resumindo, as conexões ligadas à pornografia, são ligadas à masturbação e, praticando este ato, você está ficando, de alguma forma, preso à pornografia.

Tudo isso, de acordo com a plasticidade do cérebro - toda vez que você tem um orgasmo com fantasias, seus circuitos "pornográficos" são reforçados.


Fernando_RJ,

Continuo com as mesmas opiniões de quando eu te mandei essa mensagem. Acredito que toda vez que você se masturba, você prende o seu cérebro, de alguma forma, à pornografia, que é a raiz do problema.

Também tem o efeito caçador que, provavelmente, você está sentindo agora, que se resume na vontade de se masturbar mais vezes no mesmo dia que você masturbou uma vez.

Mas claro que sem fantasiar é melhor.

Se eu fosse você eu parava de vez com isso... Tenha mais força de vontade, não se masturbe, não veja pornografia! Se tiver difícil, nem entre na internet! Se você se masturbar toda vez que você tiver vontade de ver pornografia, você vai trocar um vício por uma compulsão, que tem efeitos ruins quase que equivalentes. Quando tiver vontade de ver pornografia, saia de casa, arrume um hobbie interessante, estude, faça algo que você se vê fazendo futuramente. Idealize isso e comece agora. O reboot é para restabelecer as conexões naturais do cérebro, então masturbação não vai ao encontro dessa ideia (sexo sim vai!).

E coloque um contador de P (Pornografia) e de MO (Masturbação e Orgasmo), e zere toda vez que necessitar, sem se auto-enganar.
Guilherme
Guilherme

Mensagens : 127
Reputação : 26
Data de inscrição : 07/04/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  flavio em Sab Ago 02, 2014 8:01 am

Fernando,
Vou me colocar como exemplo prático: tentei fazer a mesma coisa - masturbar sem pornô, achando que desse modo poderia gastar minha energia sexual, e não ir para a pornografia - cara, não deu certo, senti novamente o desejo mais acentuado para me masturbar com pornografia; é difícil, eu sei disso, rebootei ontem, hoje faço 1 dia sem PMO. Sendo sincero, para mim não funciona, e, segundo as estatísticas do livro, não funcionou para ninguém. Apenas uma sugestão: talvez se evitar o computador, até mesmo, postar nossos depoimentos por uns dias ajude a não pensar muito em sexo.
Um abraço e continue tentando vencer, mas com esperança e alegria, como diria no auto da compadecida (Ariano Suassuna): quem gosta de tristeza é do diabo.
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Alex-RJ em Dom Ago 03, 2014 9:22 pm

Fernando_RJ escreveu:Pessoal, estou há 9 dias sem pornografia depois de minha última recaída. Mas eu não consigo ficar sem me masturbar. Hoje mesmo, fiquei de frente para a tela e pensei.. "ai, talvez eu recaia novamente". Mas a lembrança de todo o meu sofrimento e luta para me livrar do porno, me fez ter forças para não acessar os sites. Mas acabei por me masturbar sem porno. Não sei se acreditam, mas me libertei de toda a fantasia que me vinha na mente e me concentrei apenas nos movimentos. Bom... queria saber a opinião de vocês. A masturbação isolada pode ser um fator que facilita mesmo o retorno à pornografia? Eu não sou uma pessoa fácil de seguir regras, mas eu as compreendo e estou tentando. Me masturbei porque, quando chego ao orgasmo, minha vontade de ver pornografia cessa. Enfim... é isso. Abs.

Fernando, se me permite dar uma opinião no seu relato, acho que o erro começou qdo vc pensou: "ai, talvez eu recaia novamente"
Nesse momento vc já deu condição ao seu cérebro de ter recompensa.
É como se uma criança te pedisse uma coisa e ao invés de negar categoricamente, vc diz a ela: ahhhh, acho que não vou te dar isso não.
Pronto, vc acha que a criança vai aceitar isso como negação?

Tente pensar que seu computador NÃO TEM a opção PORNÔ. Pense nele somente como uma ferramenta de trabalho. Até o fato de pensar no computador como um passatempo, já acho perigoso.

Espero ter ajudado.
Abs!
Alex-RJ
Alex-RJ

Mensagens : 150
Reputação : 35
Data de inscrição : 06/03/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Seg Ago 04, 2014 5:57 pm

Alex, você tem me ajudado e muito, assim como as pessoas que respondem nesse tópico. Algumas coisas consigo por em prática, outras ainda não.

Agora estou triste, mas não culpado. Puto talvez. Fiz PMO ontem e hoje. Zerei tudo de novo. Eu não consigo muito bem me adaptar a esses processos cognitivos que mencionou alex. Não os considero errados, apenas não consigo na sua totalidade. Quando a emoção toma é quase impossível eu não recorrer à pornografia. Mas tenho tido sucesso em afastar o pensamento em alguns momentos para não cair na emoção. Mas caros, eu confesso que me sinto fraco diante dessa jornada até mesmo pela força que tenho dispensado. E eu sei o motivo pelo qual eu recaí. Não queria falar porque é longa a história. Tem a ver com a vinda de um ex-namorado meu aqui em casa. E não está dando certo. Acaba sendo uma "FODA" mal dada, eu não consigo gozar, nem ele e depois eu fico super excitado.

Minha convicção do vício estar me fazendo mal é tão grande quanto a sensação de prazer que quero experimentar vendo as imagens. Essa contradição já me tortura há anos. Meu terapeuta trabalha na linha do tipo "quem decide é vc, só vc..." Compreendo que é uma decisão, mas não consigo optar sempre pela convicção de não ver porno. Oscilo muito.

Estou cansado. Gostaria de poder dar uma notícia boa. Obrigado a todo mundo.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  flavio em Seg Ago 04, 2014 7:28 pm

Fernando,
A tristeza pela recaída é humana, mas, passe um dia, respira fundo e tenha fé meu irmão! Numa boa palestra motivacional, escutei "uma verdadeira mudança é um processo para vida toda", acredito (pelo menos eu sinto) que compreender nossas falhas: tive um problema pessoal, isto gera descontentamento, isto gera passar tempo na internet, isto gera curiosidade para a pornografia, por fim masturbação (perdoe-me a repetição). Essa lógica nos ajuda a identificar onde se pode quebrá-la ao nosso favor.
Com certeza a PMO, como saída para os problemas nos gera problemas+1, ou seja, não ajuda.
Conte com todos nós amigo!!!
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Qua Ago 06, 2014 8:20 pm

Obrigado Flávio. Infelizmente não estou conseguindo controlar. Peguei em PMO hoje novamente, já pela terceira vez depois da recaída. Estou realmente sem rumo agora. Amanhã pensarei novamente em como retomar. Por hoje, baixo a cabeça mesmo.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  flavio em Sex Ago 08, 2014 8:17 am

Fernando,
É natural a cabeça ficar baixa, não somos robôs! Após um dia, respire fundo, pratique uma atividade física aeróbica, e caminhe, tenho certeza que você está no caminho certo. Fique em paz!
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Leandro-sp em Sex Ago 08, 2014 10:59 am

Efeito caçador eh algo real.
Vc recai e entra numa doideira e não consegue mais parar
Leandro-sp
Leandro-sp

Mensagens : 238
Reputação : 22
Data de inscrição : 11/07/2014
Idade : 30

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Sex Ago 08, 2014 12:26 pm

ontem fiquei sem pmo. Mas tive q fazer um puto esforço interno. Desde que retomei com o porno, fico com mais vontade de fazer. Entrei no ciclo do vicio. Estou tentando afastar os pensamentos eroticos q surgem a todo instante. Já havia conseguido algum sucesso, mas caí. :/ foda.

Obrigado a voces.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Alex-RJ em Sex Ago 08, 2014 3:52 pm

Fernando_RJ escreveu:ontem fiquei sem pmo. Mas tive q fazer um puto esforço interno. Desde que retomei com o porno, fico com mais vontade  de  fazer. Entrei   no ciclo do  vicio. Estou tentando afastar os pensamentos eroticos q surgem a  todo  instante. Já havia  conseguido algum sucesso,   mas caí. :/  foda.

Obrigado a voces.

Fernando, vc entrou de novo no ciclo do vicio, ou seja, o seu cérebro está com as imagens e sensações fresquinhas. É normal que ele fique te "tentando" a obter mais prazer.

Pra o nosso cérebro , prazer é prazer e pode estar certo que ele vai querer isso da forma mais fácil.


Vou contar uma coisa que aconteceu comigo no passado:
Estava eu sozinho em casa a noite... nada pra fazer. Foi quando pensei numa amiga (uma ex do passado).
Liguei pra ela, começamos a conversar ela disse que estava sozinha em casa. Que eu poderia ir lá se quisesse.
Me animei logo e já fui planejando o que faríamos durante a noite.
O papo foi ficando quente e tirei a roupa pra tomar banho...
Foi quando começamos a falar sacanagem e comecei a me masturbar...
Não resisti e gozei ali mesmo (sem ela saber)...Desliguei o telefone e fui tomar banho.
Nesse momento, perdi todo o tesão de ir encontrar com ela.. pensei em todo o percurso que teria que fazer até chegar na casa dela, no transito, na volta...
Conclusão: Retornei a ligação dando uma desculpa que não poderia ir.



Essa parece uma história absurda, trocar uma mulher real por uma masturbação.
É claro que não me dei conta do que estava por trás de toda essa situação.
Na verdade eu estava viciado em fantasia (PMO).
E para o meu cérebro, pouco importava ser real o fantasia.

Depois que comecei a ter contato com a realidade e perceber que era um viciado, lembrei-me dessa história e pude entender melhor como eu agia e poder trabalhar esse tipo de comportamento.

Então Fernando, voltando ao ponto, o nosso cérebro sabe que é fácil sentir prazer assim. Porque ele iria pelo caminho mais difícil? Não vai mesmo! Enquanto tiver fácil pra ele, vai ser por esse caminho que ele vai optar.
Enquanto não dissermos a ele que agora essa fonte secou, ele vai ficar tentando e tentando beber dessa agua.

Força, sei que é difícil... mas não é impossível o controle e ter uma vida saudável
Espero ter ajudado.
Alex-RJ
Alex-RJ

Mensagens : 150
Reputação : 35
Data de inscrição : 06/03/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Sex Ago 08, 2014 7:54 pm

Alex, fiquei ontem sem PMO. Tentei resistir hoje, mas não consegui. O exemplo que você deu é excelente e vejo ele nas minhas histórias também. Preciso trocar de terapia. Meu terapeuta, apesar de estar me acompanhando com esse programa e minha vontade de largar PMO, já emitiu a opinião dele que ele não concorda com esse procedimento (rebott). Para ele é uma bobagem comportamental (ele crítica muito esses métodos). Eu vou parar com a terapia, pois ela tem me confundido muito. Ele não compreende o processo de vício, então meio que tenta sempre me fazer crer que se estou pegando em pornografia é porque eu quero e pronto acabou. COmo se eu tivesse que aceitar isso como um fato natural. Mas não é. Eu estou condicionado. Embora sempre seja uma decisão minha recorrer à PMO (o que fiz neste instante), a circunstância na qual me encontro, e com meu cerébro condicionado a esta merda, me fazem travar uma luta muito intensa. Fui à academia hoje e pensei chegar em casa tranquilo e começar o robott tudo de novo. É horrivel ter que ir em busca do prazer sabendo que aquilo está me fazendo mal. Amigos, ainda não encontrei um caminho seguro. Sei que vocês me sugerem e me advertem de várias coisas. Estou tentando achar meu caminho.

Alex, tu me ajuda muito cara. Sei que estou sendo vacilão comigo mesmo, mas pelo amor de Deus, continue insistindo. Eu sou difícil pra caralho.

Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Leandro-sp em Sex Ago 08, 2014 11:02 pm

Eu te entendo qdo vc diz "continue insistindo". Eh como se vc soubesse o mal da PMO na sua vida, quisesse parar com ela mas se vê impossibilitado. E teme perder as esperanças e acabar parando de insistir consigo mesmo.
Eu tb ja me senti assim.
Lendo seus posts eu tenho a impressão q a sua ideia eh mais ou menos a seguinte: " não quero mais PMO, PMO esta acabando com a minha vida, MAS É UMA DELÍCIA". Pelo menos era assim que eu pensava, e hj ja com quase 50% do reboot eu vejo que seria impossível eu parar por causa desta forma q eu encarava meu problema. Então eu sempre recaía, pq , afinal, PMO "me da sensações tão gostosas, nao é? "
Acontece que uma hora caiu a ficha pra mim que PMO não é assim tão gostoso não. Me dei conta que essas sensações são artificiais e na verdade estou deixando de sentir. Nós viciados perdemos o paladar do sexo. Eh como um viciado em cigarro que já não sente mais tão bem os cheiros, que perdeu o sabor pelas comidas. Então me veio esse desespero. EU QUERO SENTIR! Chega de achar q sabor artificial de morango eh mais gostoso, eu quero poder desfrutar 100% do morango real, sem q meu paladar esteja comprometido pelo sabor artificial.
Em resumo eh isso. É impossível deixar um vício qdo ainda achamos algo de bom nele.

Qto a seu terapeuta, eu acho que ele deve ser mais um consumidor de PMO.
Mi n ha terapeuta entende meu vício e inclusive tem acompanhado meu reboot. Ela faz várias correlações entre PMO e o impacto disso na minha vida, as causas consequências e implicações. Se o reboot eh prioridade então esse seu terapeuta esta mais eh atrapalhando
Leandro-sp
Leandro-sp

Mensagens : 238
Reputação : 22
Data de inscrição : 11/07/2014
Idade : 30

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Fernando_RJ em Sab Ago 09, 2014 1:03 am

Leandro, apesar da minha difícil situação, o me traz esperança são relatos como o seu. Se assemelha muito com o que eu passo. Li você dizendo que teve algumas recaídas e tal até cair a ficha do mal real que o porno causa. Mas tudo se resume sim à delícia do prazer. Meu terapeuta me critica e me "joga na cara" que eu busco o prazer e eu sou o responsável por isso. Claro que de uma certa forma, eu sou sim. Mas isso não quer dizer que preciso aceitar as coisas como estão. Como ele rejeita qualquer tipo de abordagem comportamental (que é o caso do rebott), ele não crê que eu precise fazer algum esforço para mudar isso pois eu preciso compreender o problema na sua origem. Ótimo, mas estou há dois anos com ele e não vejo qual exatamente o caminho que estamos trilhando para buscar essa origem. À medida que o tempo passa vou sentindo cada vez mais a pornografia como uma prisão. Nisso ele até concorda, mas acredita que eu possa utilizar a pornografia de forma esporádica. Eu tb pensava nisso.

O chato é o desespero e até vem os pensamentos suicidas. Eu tenho transtorno bipolar e, dependendo da situação em que vivo, simplesmente me passa pela cabeça acabar com a vida. É angustiante porque sei que não vai adiantar. Acabei internalizando que o suicídio é só uma forma de postergar algo que vc precisa enfrentar e ainda dificulta tudo.

Hoje foi um dia difícil, me masturbei duas vezes. Depois que se está na merda, mais merda.. enfim. Reparei que meu esperma saiu líquido demais. E na segunda vez vi a presença de um pouco de sangue. Senti enjoo e repulsa enquanto eu me masturbava. Eu vou ter que aprender a sair dessa. À força se for preciso.

A todos que estão tentando pela primeira vez largar a pornografia, saibam que a jornada é difícil mesmo. Mas não é preciso esperar 90 dias para ver os resultados. O máximo que eu fiquei foi 20 dias. Embora presente a masturbação, a ausência da pornografia, por si só, me trouxe uma amostra da vitalidade e da espontaneidade que há tempos eu sufocava. Minha fraqueza, carência ou sei lá o que, me fez voltar ao prazer fácil.

Amanhã, começo tudo de novo.
Fernando_RJ
Fernando_RJ

Mensagens : 49
Reputação : 4
Data de inscrição : 12/07/2014
Idade : 39
Localização : Rio de Janeiro

Voltar ao Topo Ir em baixo

Relato Fernando - Página 2 Empty Re: Relato Fernando

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum