Meu reinicio

Ir em baixo

Meu reinicio Empty Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Ter Jun 09, 2015 4:58 pm

Eu tenho 32 anos. Infelizmente sou um viciado em pornografia e masturbação. Eu comecei a me masturbar aos 14 anos e ver pornografia (internet) com 19 anos. Eu chego a ficar até 6 horas por dia vendo pornografia na internet e segurando a ejaculação por todo este tempo. Sou casado há 9 anos, não tenho filhos e trabalho em casa. Fico muito em casa e sozinho. A masturbação foi uma grande fonte de alívio da ansiedade para mim. Eu tenho TOC (transtorno obsessivo-compulsivo) desde a adolescência. Eu já melhorei muito nas compulsões, menos na masturbação. Inicialmente eu via sites de mulheres mostrando os pés (sou podolatra) e usando as famosas calças de ginastica. Depois comecei a ver as mulheres com “cameltoe”. Depois sexo explícito. Eu não tenho atração por homens, somente por mulheres. Mas há 3 anos eu também passei a ver pornografia gay. Não sei o motivo, mas fico excitado. Infelizmente por isso passei a mostrar meu corpo na internet. Por cam ou por fotos e a entrar em salas de bate-papo na minha cidade. Nunca traí minha esposa. Mas cheguei perto disso. Não fiz porque no final me sentia triste em fazer isso com ela e não tenho, fora da tela do computador, atração pelo mesmo sexo. Eu já cheguei a me masturbar vendo minhas próprias fotos e a usar algumas roupas da minha esposa. Nunca tive nenhum relacionamento homosexual. Eu não suporto mais esta situação. Tenho um casamento feliz, bom sexo e mesmo assim sou viciado em pornografia e masturbação. Já teve dias em que acordei tremendo e sentindo o estomago ruim só por “fissura”. Foi péssimo. Tenho dificuldades em controlar o pensamento e tenho postergado todos os meus trabalhos. Está tudo ficando pior. Eu já fiquei um mês sem masturbação e pornografia. Isso antes de conhecer o site em inglês e português. Mas acabei voltando achando que poderia controlar. Foi meu grande erro. Eu sou um viciado e tenho que conviver com isso. Como tenho compulsão por ler notícias e elas aumentam minha ansiedade, acabo me masturbando. Não me controlo. Eu voltei a fazer exercícios físicos. Isso realmente ajuda. Tenho passado por dias muito tristes. Já pensei em me matar por isso. Não suporto viver mais assim. A responsabilidade pela situação é completamente minha. Eu não consigo subjugar minha vontade em ver pornografia e masturbação. As vezes fico uma semana sem me masturbar. Entretanto fico muito triste também. O vício não é fácil. Hoje é meu primeiro dia do desafio. Eu espero conseguir. Depois relato mais do meu cotidiano e dificuldades. Eu me sinto desmotivado, com memória fraca e estou tendo dificuldades em ter sexo prazeroso com minha mulher. Ela não sabe nem imagina que eu sou um viciado.
Já tentei bloqueadores e largar o computador. Não deu certo. Hoje começo tentando tendo pela conciência das minhas responsabilidades em relação a esta questão. É força interna mesmo. Espero que dure. É minha primeira tentativa de reinicio com os métodos do site e com a ajuda de vocês. Eu preciso muito. Obrigado.


Última edição por floydweber1983 em Dom Jun 28, 2015 9:07 am, editado 2 vez(es)
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Ter Jun 09, 2015 4:58 pm

Não é fácil lidar com este vício. Quando fico alguns dias sem masturbação eu fico muito excitado. Na rua minha atenção com as mulheres aumenta muito. Apenas visualmente. Fico vendo os pezinhos e fico louco para chegar em casa e me masturbar e ver pornografia. O gatilho é sempre o computador. É como um ritual. Levanto, arrumo a cadeira, ligo o computador, digo que não farei, entro em algum site com qualquer foto minimamente sensual de mulheres e, pronto, começa a loucura. É difícil controlar estas inclinações. Hoje vejo que o melhor não é lutar contra, mas ocupar a mente com outra coisa. A baixa autoestima realmente causa problemas. A masturbação é com um analgésico para a ansiedade, o mundo, a baixa autoestima, a preguiça, as frustrações…. Mas tem um preço muito alto. O custo é perder a própria liberdade. Eu sou escravo do meu próprio corpo. A compulsão ajuda muito nisso também. A minha compulsão por notícias sempre me leva para a masturbação. É como se meu corpo soubesse o caminho a trilhar quando me nego a saciá-lo. E eu leio notícias por achar que se eu não me informar, além de ficar desinformado, algo de ruim acontecerá. É uma luta! Mas eu tenho que superar a mim mesmo. Se eu não fizer isso, a minha vida, que está sem sentido no momento, perderá toda esperança de dias melhores. E melhores eu quero dizer sem masturbação e com melhor saúde mental.


Última edição por floydweber1983 em Dom Jun 28, 2015 9:07 am, editado 1 vez(es)
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Fênix em Ter Jun 09, 2015 5:31 pm

Olá amigo floydweber1983! Mas que nome complicado vc escolheu hein rapaz! rsrs Seja bem-vindo, antes de mais nada, não se desespere amigo, eu sei que as vezes parece que nunca vamos conseguir vencer o vício, mas pode ter certeza, que tudo na vida tem jeito, só o que não tem jeito é a morte, então esqueça ideias de suicídio e outras ideias que não vão te trazer benefício nenhum, a melhor coisa que vc poderia ter feito, vc acabou de fazer: Tomar a atitude de fazer o reboot, e entrar nesse fórum, que tanto tem ajudado muitas pessoas, inclusive eu, que fui escravo da masturbação e da pornografia por 22 anos, o seu relato se assemelha ao de muitos aqui, a pornografia nos faz ter atitudes que não condizem com nossa moral, o que não significa que devemos ficar nos condenando pelos erros, o que deve ser feito é procurar nos libertarmos disso e procurarmos ajudar outras pessoas com o nosso exemplo, tenho certeza que vc sairá vencedor no fim dessa história, confie em Deus e em vc mesmo amigo, vc tem total capacidade para reverter essa situação, vc já cogitou falar com sua esposa sobre esse assunto? Se ela realmente o amar e ser uma pessoa compreensiva, talvez se torne uma grande aliada nessa sua recuperação, mas claro, vc é quem a conhece, portanto é decisão sua contar a ela ou não, esse vício é bem difícil de ser entendido por pessoas que não passam e nunca passaram por ele, algumas pessoas nem sabem que existe o vício em pornografia e masturbação, mas o que é certeza é que nós aqui do fórum, entendemos perfeitamente a sua situação, então conte sempre com a gente para ajudá-lo nessa jornada que se inicia em busca da tão sonhada liberdade! Um abraço, vc vai conseguir vencer!

_________________
Meu reinicio Img?u=5086425431146496
Fênix
Fênix

Mensagens : 523
Reputação : 78
Data de inscrição : 02/05/2014
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Leandro-sp em Qua Jun 10, 2015 9:56 am

Olá floydweber1983 ! Seja bem vindo ao time da luta!
Vc leu o ebook?
Eu acredito que a permanência aqui no fórum ajuda muito na recuperação.
Uma coisa que tem me ajudado também é a terapia. E pelo o que vc falou, sobre ser compulsivo e tal, eu acredito que vc conseguiria grande ajuda na terapia também. Pq a pornografia é só a ponta do iceberg. Precisa tratar o interior pra conseguir se sustentar e parar de depender dela. Quando eu descobri que minha mente era doente, eu fiquei em choque tb. E vale a pena entrar na luta, pq PMO tem consequências terríveis. Eu tb tenho interesses bizarros e com desvios sexuais na tela do computador. Pq no mundo da fantasia, tudo é possível e aceitável, então a gente se afunda. O bom é que com o reboot, os fetiches vão perdendo força.
Mas apesar da terapia me ajudar, a minha terapeuta não entende o problema como um todo. Ainda bem que tenho este fórum, pois aqui a gente se entende melhor, e sempre um ajuda o outro.
Vc disse que é escravo do seu corpo. Eu não acho que seja isso, acho que na verdade é vc quem quer fugir da sua realidade pra viver no mundo perfeito das suas fantasias. Por isso PMO é tão forte, pq transporta nossa mente, mas estraga nossa realidade.
Eu concordo com o Fênix de que se vc expor esta sua luta para sua esposa, isso pode te dar mais forças ainda. E é melhor vc falar, do que ela te pegar, ou ela começar a se sentir sexualmente desinteressante. E a tendência é essa, sua mulher diminuir, e PMO aumentar.
Leandro-sp
Leandro-sp

Mensagens : 238
Reputação : 22
Data de inscrição : 11/07/2014
Idade : 30

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Espírito Azul em Qua Jun 10, 2015 11:34 am

Acho complicado o conselho de expor para esposa tal situação.
Bom, eu penso que o rapaz deve analisar bem se sua esposa irá compreender após as explicações.
A grande parte das pessoas enxergam o vício em Pornografia com o desvio de carater ou safadagem e traição.
É muito difícil encontrar uma garota igual A namorada que descobriu, aceito e foi atras da solução. Porém, o fim não foi dos mais satisfatórios =/.

Meu conselho é : analise bem se vale a pena ou não. Se vale conte. Ou use um possível término se ela descobrir como uma alavanca pra sair do PMO. Minha namorada nem sonha que eu sou viciado em PMO, ela pensa que sou inseguro e que não gosto muito de Sexo. Bom, depois que fiz o reboot a situação complico : melhorei o desempenho e ela quer fazer mais vezes e fala direto, Mas como dá bola se eu recai. fico com medo de falhar=/

onde quero chegar: se sua esposa não for compreensiva com Porno, pode começar a cantar PABLO... A mala já está la fora, por favor não implora.
Espírito Azul
Espírito Azul

Mensagens : 531
Reputação : 31
Data de inscrição : 06/10/2014
Idade : 33

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  flavio em Qui Jun 11, 2015 8:15 am

Ei Sergio gostei do bom humor, tá melhorando. Seja bem vindo amigo floydweber. Olha, o seu depoimento parece uma cópia do meu primeiro, só tirando os "pezinhos". Mas tudo que aconteceu contigo: essa involução, inclusive para os os chats gays aconteceu comigo. E, neste fórum descobrir que esse desvio de opção sexual é decorrente da pornografia. Sugiro, tentar desenvolver algum trabalho fora de casa para evitar o computador, mas principalmente forçar a natureza para o reboot pois ele melhora muito nossa qualidade de vida. Bati recentemente um recorde pessoal de mais de 80 dias de abstinência, foi um período de muito satisfação. Infelizmente sofri uma recaída, mas estou de volta no caminho do bem.
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Qui Jun 11, 2015 11:41 am

Agradeço o apoio de todos. Infelizmente hoje eu tive uma recaída. Me masturbei e vi muita pornografia. Mas a recaída me foi instrutiva. Eu não posso usar o computador quando estiver sozinho de maneira alguma. Ele é um poderoso gatilho. Não sou religioso, mas neste caso, vale a seguinte reflexão: “Se um dos teus olhos te fez pecar, arranca-o, e lança-o fora de ti...”

Não posso contar para a minha esposa. Eu a conheço bem e sei que ela não conviveria bem com o meu vício.

O bom deste site é que batalhamos juntos. E juntos podemos vencer o vício.


Última edição por floydweber1983 em Dom Jun 28, 2015 9:08 am, editado 1 vez(es)
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Leandro-sp em Qui Jun 11, 2015 12:54 pm

recaiu, mas veio aqui tentar se recompor...
é isso aih, cada hora sem PMO é um passo para a cura
Leandro-sp
Leandro-sp

Mensagens : 238
Reputação : 22
Data de inscrição : 11/07/2014
Idade : 30

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  flavio em Sex Jun 12, 2015 8:27 am

Floyd, concordo contigo quanto a contar para a esposa, talvez os mais indicados para ajudarem nesse tratamento, além daqui, são os psicólogos ou psiquiatras. Lembro do amigo Lince que contou para a família e não sei, pareceu-me que os resultados não foram tão satisfatórios devido a falta de compreensão das pessoas que rotulam a PMO com safadeza ou vício juvenil, para mim é de fato um problema psicológico.
Complemento minha opinião (trata-se de uma opinião), sobre os profissinais - psicológos, pelo menos segundo o depoimento de alguns colegas que já se trataram, eles não reconhecem a masturbação como algo problemático, até consideram terapêutico, não concordei quando li, continuo não concordando pois a masturbação estimula a manutenção do status quo do vício.
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Fênix em Sex Jun 12, 2015 10:32 am

Bola pra frente floydweber! Com ou sem recaída, vc tem seu valor por estar na luta pela liberdade, ninguém aqui conseguiu parar com o vício já na primeira tentativa, aprenda com essa recaída, o processo é assim mesmo: A cada recaída, identificamos o que nos fez cair, assim, ficamos mais "espertos" e procuramos não cair 2 vezes na mesma armadilha. Levante-se imediatamente, não fique lamentando nada, a vida continua, o mundo não para, a luta é contínua, e o próximo Round já começou. Então: LUTE!

_________________
Meu reinicio Img?u=5086425431146496
Fênix
Fênix

Mensagens : 523
Reputação : 78
Data de inscrição : 02/05/2014
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Zatopek em Sex Jun 12, 2015 8:38 pm

Olá Floyd.

Força, rapaz. Eu também luto há tempos e não aguento mais de tantas recaídas.

Entendo sua postura em relação à esposa. Eu tenho uma noiva. Se ela souber que sou um viciado, nem sei o que fará. Há pessoas que são pouco compreensivas. Certamente ela associará o vício como uma "safadeza". Mal sabe ela que juto todos os dias contra isso.

Um abraço,

Zatopek
Zatopek
Zatopek

Mensagens : 43
Reputação : 0
Data de inscrição : 11/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Ter Jun 23, 2015 10:01 am

Caros companheiros de luta, segue meu relato destes dias sem masturbação e pornografia.

Pontos positivos:

1- Realmente começo a sentir uma melhora da memória.

2- Sinto o pênis mais ereto e mais sensível. Sinto até melhoras no momento de mijar. Aumentou minha sensibilidade (em uma semana senti a diferença).

3- Transei com minha esposa no final de semana. Fui mais intenso (ela disse isso) e ejaculei mais (não me senti na capacidade máxima. Mas melhorou).

4- No momento do sexo não precisei pensar em pornografia para ter prazer. Isso me deixou muito feliz.

5- Me sinto mais motivado (melhora lenta mais perceptível).

6- Eu melhorei a capacidade de concentração (melhora lenta mas perceptível).

7- Minha ansiedade diminuiu um bom nível (com esforço diário).


Pontos que estou com dificuldades:

1 – Ainda sinto vontade de ver pornografia e de me masturbar (como viciado tenho que aprender a conviver com isso).

2- Minha mente quer me enganar com frequência (com estímulos a fantasias e a recaídas).

3- Sinto ainda um pouco de calafrio ou mal-estar em decorrência do corte do vício.

4- Na rua as mulheres têm me chamado muita atenção. O que me estimula muito.

5- Tenho tido a tendência a ficar entediado e triste.

6- As vezes fico com o humor ruim e com tendência a ter mais raiva de acontecimentos do cotidiano.


O que eu tenho feito contra as dificuldades:

1- Estou com força de vontade para superar o vício. As melhoras e as expectativas futuras têm me ajudado a aumentar a força de vontade.

2- Estou evitando todos os poderosos gatilhos. Em relação ao computador, qualquer site com fotos sensuais. Tenho evitado as fantasias mentais. Evito usar computador quando estou sozinho e procuro não ficar em casa sozinho. Estou priorizando trabalhos fora de casa. Em relação a fantasias, assim que a mente estimula começo a pensar em outra coisa. Não nego as fantasias, apenas procuro ficar indiferente e penso em outra coisa.

3- Exercícios físicos têm me ajudado a superar problemas com o corpo.

4- Tenho procurado ficar indiferente as mulheres na rua. Não é simplesmente achar uma mulher bonita. Quem é viciado sabe que não se trata apenas desta avaliação. É ver tudo o que nos apetece e fantasiar… fantasiar….

5- Para evitar o tédio e a tristeza tenho lido mais literatura que eu gosto, faço exercícios físicos, estudo o que eu gosto e me dedico mais a esposa (converso mais com ela e fazemos mais coisas juntos). A motivação crescente ajuda também.

6- Imaginar melhoras para o futuro e ter uma vida mental melhor tem me auxiliado também.

7- Tudo tem seu tempo e coisas erradas acontecem. Tenho que lidar com a ansiedade e com a raiva.

8 – Participar do fórum ajuda a superar o vício. Ler outros depoimentos, escrever sobre si mesmo, exteriorizar o que está acontecendo em sua mente, receber ajuda de vários companheiros na luta, ler as dicas, tudo isso é de importância fundamental na batalha. Não estamos sozinhos. Este vício existe. Ele não é um desvio de caráter. Não se está sozinho. Este espaço é fundamental para a descoberta de procedimentos contra o vício e para uma maior clareza sobre o vício e suas consequências.


Conclusões:

1- Recaídas são fáceis de acontecer se eu não me cuidar.

2- Não adianta nenhum sentimento de culpa. O que aconteceu eu não mudo mais. Mas conhecendo o vício e as maneiras de lidar com ele construo um futuro diferente. É isso que importa.

3- EU SOU UM VICIADO. Não posso mudar isso. Eu tenho que conviver com este problema.

4- É possível conviver com o vício. É possível controlar esta inclinação terrível.

5- A luta é diária e vale a pena. Cada dia sem quedas é uma vitória.

6- Para mim é uma questão de me sentir bem, de gostar de mim mesmo, sem vaidades. Apenas quero cumprir as exigências do dia e construir as soluções para as escolhas que fiz.

7- Não é fácil lutar contra este vício. Não existe nada milagroso. Eu não vou acordar amanhã liberto. Eu tenho que lutar contra o vício. Isto requer muito esforço. Se eu tiver uma recaída, vou prosseguir e aprender porque recaí. Não abandonarei a luta. A vida é melhor sem a realização deste vício. Tenho que abanonar a "infância". A luta é minha e somente minha.


A luta continua.


Última edição por floydweber1983 em Dom Jun 28, 2015 9:08 am, editado 1 vez(es)
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Zatopek em Ter Jun 23, 2015 1:30 pm

Fala Floyd.

Cara, os itens que você listou em "Pontos que estou com dificuldades" são os mesmos que eu citaria. Passo pelos mesmos perrengues.

Eu também recorri a exercícios físicos e literatura para me ajudar nos momentos de tédio. Acho que é um excelente caminho. Também jogo video game para acalmar.

Bacana você citar nos pontos positivos o fato de as melhoras serem "lentas". É isso mesmo. Assim como não sentimos os efeitos negativos da noite para o dia, também não sentiremos os benefícios da noite para o dia.

É preciso ter paciência. Muita paciência. A melhora é gradual. Eu acho que nisso a atividade física e literatura ajudam nisso, pois é necessário ter paciência para adquirir os benefícios do exercício ou terminar um livro.

Em resumo, força aí Floyd.

Um abraço,

Zatopek
Zatopek
Zatopek

Mensagens : 43
Reputação : 0
Data de inscrição : 11/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  flavio em Qui Jun 25, 2015 7:37 am

Floyd, fico impressionado como nós aqui do fórum chegamos a conclusões parecidas: no tópico que evita observar as mulheres na rua, também cheguei a mesma conclusão, afinal sou casado, e não quero mais problemas além da PMO, por exemplo caso extraconjugal, o resultado dessa atitude que diminui no foco visual, pois além de observar as mulheres nas ruas, isto também era um estímulo (gatilho) para cair nas páginas pornográficas.
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Sab Jun 27, 2015 9:59 am

Bom dia companheiros de luta.

Não é fácil lutar contra este vício. Mas não é impossível.

Esta noite eu tive um sonho erótico e ontem eu senti pequenas dores no pênis e escroto. Mas foram rápidas. É interessante como a mente cria mecanismos para ser recompensada. Sonhos eróticos, fantasias, estímulos mentais a raiva e a ansiedade…. Eu amanheci muito excitado mas me concentrei e não recaí.

A cada dia me sinto melhor. No entanto, sinto que apesar das melhoras, a mente tenta me fazer recair. Tem momentos que surgem sugestões como “você está melhor, pode controlar” e “você já mostrou que consegue, uma não fará mal”.

É preciso vigilância. Não é negar a todo momento, mas não dar importância e desviar a atenção. Fazer outras coisas. Se entrarmos no jogo de apenas dizer “não” cedemos ao vício.

Eu estou conseguindo melhoras todos os dias. São lentas. O corpo e a mente precisam de tempo para as transformações. Não existe solução mágica. Mas cada mudança é uma grande conquista. A memória melhorou, a capacidade de atenção, tenho mais momentos alegres, mais força interior, melhor autoestima…. Eu me sinto melhor.

Contudo eu continuo um viciado. E não posso negar isso. Não posso fraquejar.

Obrigado a todos pela ajuda.


Última edição por floydweber1983 em Dom Jun 28, 2015 9:09 am, editado 1 vez(es)
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  flavio em Dom Jun 28, 2015 6:06 am

Floyd, seja forte. Esses sonhos também ocorreram comigo. Todavia, o mais importante que você percebe melhoras decorrentes do processo de abstinência, sem dúvida, agora é aguardar e manter o bom humor. Perceba quando acontecer um período maior, após talvez uns 20 dias, para reforçar o controle e a concentração, pois um período longo ajuda na manutenção do reboot, mas se cair nesse período para retomar o caminho fica mais difícil, obviamente não impossível, apenas demora um pouco mais.
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Dom Jun 28, 2015 8:52 am

Caros companheiros de luta.

Ontem a noite eu quase me masturbei e vi pornografia. Eu fiquei sozinho em casa. Minha esposa foi visitar uma amiga. Ontem eu não tive relações sexuais com minha esposa. Fui ver um filme na TV e de repente me aparece uma vontade louca de me masturbar e ver porno. Foi muito forte. Pênis muito duro e latejando. Difícil não tocar nele. Liguei o computador, abri o navegador e entrei no Youtube para ver mulheres dançando. Eu "pensava" que isso não me faria mal. Mas assim que entrei no site e fui pesquisar não consegui abrir nenhum vídeo. Fiquei paralisado. Pensei no que estava fazendo, na minha esposa e que não queria voltar ao que era. Foi muito difícil. Eu fiquei apavorado. Não esperava ficar naquela situação. O que eu fiz? Entrei no fórum e fui ler relatos dos companheiros. Depois de algum tempo a vontade passou, minha esposa finalmente chegou e pude voltar a me controlar. Isto me ajudou. Ainda bem que eu não vi pornografia e nem me masturbei. Hoje estaria me sentindo um lixo. Eu quase estou me sentindo assim pelo simples fato de ter chegado tão perto de recair. Estou com medo. Estava me achando bem. Este vício é foda. Foi por muito pouco que não recaí. É preciso muita perseverança e disciplina para superar a si mesmo.
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Qua Jul 01, 2015 4:22 pm

Infelizmente hoje eu não suportei a pressão da mente. Sonhei com sexo e acordei sentindo calafrios e tremores. Apesar de não ter ido até o fim (gozado), vi fotos de mulheres usando biquíni, nuas, vídeos no youtube de moças dançando funk e entrei em salas de bate-papo. Toquei-me mas não gozei. Não posso considerar isso vantagem. Fiz isto na parte da manhã. Vou resetar o meu contador e voltar para a luta. Ao menos aprendi mais um pouco das artimanhas da minha mente. Não é desculpa, mas, pelo menos, aprendi algo.  Rumo a cem dias sem PMO.

De volta a luta.
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Bogosort em Qua Jul 01, 2015 5:12 pm

força ai amigo, sempre acharemos pedras no caminho, ma o importante e continuarmos na luta, a cada queda que levantemos mais forte né.
Bogosort
Bogosort

Mensagens : 9
Reputação : 0
Data de inscrição : 26/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  flavio em Qui Jul 02, 2015 4:49 am

Floyd, firmeza na queda, não fica se testando cara, é difícil mesmo. Passei a 16 dias pelas mesmas dificuldades, gradativamente tenho absoluta convicção que você irá desenvolver o controle.
flavio
flavio

Mensagens : 1008
Reputação : 56
Data de inscrição : 30/07/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  floydweber1983 em Qui Jul 02, 2015 12:34 pm

Infelizmente terei que me afastar do forum. O computador é um importante gatilho para a PMO. Não posso usá-lo. Ao menos por enquanto. Até eu passar uns 30 dias de reboot. Desejo a todos muita força contra este vício.

Obrigado a todos.
floydweber1983
floydweber1983

Mensagens : 10
Reputação : 0
Data de inscrição : 09/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Bogosort em Qui Jul 02, 2015 12:36 pm

boa sorte e muita força ai amigo, tente se manter firme e ocupado para não deixar tua mente viajar para o PMO.
Bogosort
Bogosort

Mensagens : 9
Reputação : 0
Data de inscrição : 26/06/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Meu reinicio Empty Re: Meu reinicio

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum